10.02.2015

De ônibus pelas melhores praias de Salvador

De ônibus pelas melhores praias de Salvador

Com um mar que não tem tamanho, os próprios baianos se dividem sobre a melhor praia de Salvador.

A boa notícia é que dá pra tirar a prova do jeito mais simples e barato de se mover numa cidade cara, grande e com litoral maior ainda: de ônibus.

Onibus na orla de SalvadorGrandes avenidas acompanham a maior parte dos 50 quilômetros de praias. Se ficar do lado certo, você vai apreciando uma a uma de camarote. Gostou? Desce e aproveita. Depois volta pro busão e segue pra próxima.

Praia do Forte - SalvadorO roteiro começa na Praia do Porto da Barra. É a mais próxima do centro, na entrada da Baía de Todos os Santos, pouco antes da linha da praia se virar para o mar aberto.

Graciosa, águas azul-esverdeadas, piscinas naturais na maré baixa. O único defeito é ser pequena demais para tantos apaixonados. Você mesmo corre o risco de voltar correndo depois de percorrer a orla inteira de Salvador (aconteceu comigo).

Calçadão da praia do forteA região merece uma caminhada tranquila pelo calçadão.

No espaço de um quilômetro, os portugueses ergueram três fortes: São Diego, Santa Maria e Santo Antônio. Todos entre os séculos XVI e XVII para proteger o porto e a cidade-baixa de Salvador, na época a capital do Brasil.

Canhão do Farol de Santo AntõnioVale a pena sair da praia para explorar o Forte e o Farol de Santo Antônio, o primeiro das Américas, construído em 1698.

O Museu Náutico, que funciona dentro do forte, guarda instrumentos de navegação, réplicas de embarcações e peças resgatadas de navios naufragados há mais de 300 anos.(saiba mais aqui)

Praia do Farol - SalvadorNo alto do Farol, você ainda tem a melhor vista da Praia do Porto e da Praia do Farol da Barra, palco das maiores festas de Salvador.

Pegue o ônibus no Largo do Farol ou logo adiante, na Avenida Oceânica. Depois de Ondina, vem o Rio Vermelho com seu bares e as famosas barracas de acarajé.

Depois, uma sequência de praias. Entre elas, Amaralina, Pituba e a bela Jardim de Alá, com seu imponente bosque de coqueiros.

Surfistas na orla de Salvador Boa parte da orla está em reforma. Há dois anos,a maioria das barracas foi retirada. Muita gente reclama que a estrutura faz falta mas não dá pra negar que a vista para o mar deixou o passeio mais bonito.

Vinícius de Moraes Na praça de Itapuã, o poeta Vinícius de Moraes aparece do jeito que mais gostava: numa mesa de bar diante da praia. Homenagem ao poeta que morou aqui por dois anos e fez de Itapuã um sinônimo de sol, amor e mar.

Dentro do ônibus, pergunto se este ainda é o melhor lugar pra se passar uma tarde tranquila. Alguns concordam e o movimento comprova a preferência. Outros alegam que, 40 anos depois de Vinícius, Itapuã ficou perigosa e barulhenta demais.

Praia de Stella MarisA tranquilidade é maior do outro lado do Farol. As praias de Stella Maris e Flamengo, as mais distantes do centro, tem longas faixas de areia, sem as pedras e a muvuca de Itapuã.

Na dúvida, como uma está quase colada na outra, dá pra completar o banho de mar e sol em Stella com o agito e a história de Itapuã.

Fim de tarde em Salvador Depois é pegar o ônibus de volta e seguir o exemplo dos baianos. Escolher a praia e aproveitar o fim de tarde para outra caminhada diante do seu pedaço preferido de mar.
Fotos: Cassiana Pizaia
—————————

GUIA RÁPIDO PRAIAS DE SALVADOR

COMO IR DE ÔNIBUS PARA AS PRAIAS DE SALVADOR

Os ônibus da linha Praia do Flamengo – Campo Grande (1030) percorrem a maioria das praias pelas avenidas costeiras.

Você pode pegar o ônibus no Largo do Farol da Barra, quase em frente ao forte. Até o final do percurso, na Praia do Flamengo, são 25 quilômetros e quase uma hora e meia de viagem, dependendo do trânsito.

Fiz o caminho de volta no fim da tarde e levei mais de duas horas.

Partindo de outros pontos, várias linhas fazem o trajeto principalmente até Itapuã.

Veja todas as linhas, horários e trajetos aqui.

A tarifa de ônibus em Salvador custa R$3,00 (fevereiro de 2015).

QUALIDADE DA ÁGUA NAS PRAIAS DE SALVADOR

O Inema- Instituto de Meio Ambiente e Recursos Hídricos- emite boletins semanais sobre a balneabilidade das praias. Veja aqui.

ONDE COMER

Há vários restaurantes no caminho. O Acarajé da Cira, um dos mais famosos da cidade, tem uma unidade no Largo da Mariquita, no Rio Vermelho.

O tradicional restaurante Yemanjá fica na Praia de Armação, pertinho da orla, do ponto de ônibus e no meio do percurso entre as praias. Fique de olho nos coqueiros da praia do Jardim de Alá. A Armação vem logo depois.

A moqueca bem servida pra dois custa R$90,00 (janeiro de 2015). Caro, mas sai mais em conta do que uma corrida de taxi só de ida entre a Barra e o Flamengo.

MAIS SOBRE A BAHIA

Salvador| O que é que o Pelourinho tem
O que ver e fazer na Península de Maraú
Taipu de Fora| Marque encontro com o paraíso
Ilhéus| Roteiro na Terra de Gabriela
Fazenda Primavera| Cacau com História em Ilhéus

postado por Cassiana Pizaia
  1. 7 fev2017
    Daniele Vieira

    Boa tarde. Pretendo ir a Salvador em agosto/17. Devo ficar hospedada no sesc piata. Gostaria de saber se consigo me locomover facilmente de ônibus desta localidade para o farol da barra/mam/centro histórico? Existe transporte coletivo para esses locais? Desde já agradeço vossa atenção. Daniele

Deixe seu comentário: