28.04.2016

Onde ficar em Guaraqueçaba e Superagüi: as melhores pousadas

Onde ficar em Guaraqueçaba e Superagüi: as melhores pousadas

As pousadas de Guaraqueçaba seguem o estilo da cidade, um lugar supertranquilo, cercado pelo mar e pela maior área de mata atlântica do país.

-> Guaraqueçaba, no Paraná: o que fazer entre a serra e o mar

Num ambiente assim, nem há espaço para grandes hotéis ou muita sofisticação. Mas não pense que você encontra só lugares rústicos, cheios de areia. Nada disso!

Várias pousadas de Guaraqueçaba vão além do conforto e da limpeza. Têm bom atendimento, charme e paisagens de cair o queixo. Na Ilha de Superagüi, que faz parte do município, a hospedagem é bem mais simples, mas atende bem quem vai passar o dia explorando as ilhas e praias do parque nacional.

Neste post, indico as pousadas que conheci e gostei em minhas duas viagens a este canto escondido e lindo do litoral do Paraná.

Pousada Bambuza

Pousada Bambuza

Pousada Bambuza

A Bambuza é, com certeza, a pousada mais bonita de Guaraqueçaba. Fica em frente à baía, a 300 metros do trapiche, e foi toda planejada para valorizar a paisagem. A vista maravilhosa do mar e das montanhas te acompanha na sala de estar, no café da manhã, no canto de leitura, na sacada do quarto.

São apenas 5 apartamentos, com cama box, ar-condicionado, frigobar, amenities com aromas da região, limpeza, lençóis impecáveis, chuveiro quente e wifi. Tem também uma coisa rara: paz. A distância do centrinho afasta qualquer ruído que não seja o dos pássaros e das ondas. O silêncio é tão impressionante que eu até estranhei no primeiro dia. 😉
Pousada em Guaraqueçaba I
Diária: R$250,00 ( casal)
Vantagens:
A tranquilidade, o atendimento personalizado (são poucos hóspedes), o conforto nas áreas comuns e a vista.
Desvantagens:
O preço é um pouco mais alto que a média de Guaraqueçaba. O café da manhã poderia ser ser melhor.

*O hotel normalmente não aceita crianças por questão de segurança. Não há proteção entre os 2 níveis da sala e as sacadas tem grandes vãos no parapeito, característica do projeto arquitetônico.

Pousada do Biguá

Fica bem em frente à praça principal e ao lado de todos os restaurantes. Basta atravessar e você está no cais, onde chegam e saem os barcos para Paranaguá e para as ilhas.

Os quartos são espaçosos, com camas confortáveis, ar-condicionado, tv e frigobar. A maioria não tem vista para o mar. Em compensação, a pousada mantém belos jardins e uma piscina pequena, mas bem-cuidada (com toalhas disponíveis). Em um nível acima da piscina, há um deck delicioso, cerado por folhagens e flores.

O dono atende os hóspedes pessoalmente e escolhe ele mesmo a trilha sonora que deixa o ambiente ainda mais gostoso. Tem wifi mas não pega direito no quarto.

Pousada do BiguáDiárias para casal: R$200,00 (baixa temporada)
Vantagens:
Localização prática, conforto, bom atendimento e piscina. Pra quem viaja com crianças, é o ideal. O café da manhã foi o melhor entre as pousadas que conheci na região.
Desvantagens:
Sem vista para o mar nas áreas comuns e na maioria dos quartos.

Hotel Eduardo I

Hotel Eduardo I

Hotel Eduardo I

É um hotel tradicional, com dois pisos e grande número de quartos. Fica diante da praça e tem uma bela vista das sacadas dos apartamentos que ficam de frente para o mar. Não fiquei hospedada nele mas visitei os quartos. São pequenos e limpos, a maioria com cama de casal e beliche ou dois beliches. Simples e honesto.

Diárias para casal: R$180,00 ( quartos em frente ao mar) e R$120,00 ( quartos dos fundos) na baixa temporada.
Fone: 041 3482 1225 (não tem site)
Vantagens: Localização e preço.
Desvantagem: É um lugar básico, mais impessoal, sem o charme e o atendimento personalizado das pousadas.

Ilha de Superagüi

Praia Deserta em Superagüi

Praia Deserta em Superagüi

Ir a Guaraqueçaba e não conhecer Superagüi é um desperdício. O acesso é apenas por barco, em 40 minutos de voadeira e 2h30 de barco de linha a partir da cidade. A ilha tem praias desertas, trilhas e serve de base para outros passeios na região do Parque Nacional de Superagüi. Conto tudo neste post:

-> Ilha de Superagui: como chegar e o que fazer no paraíso escondido do Paraná

Dá prafazer um bate-volta, mas Superagüi, pra mim, merece pelo menos um dia de pouso. Na minha última viagem, reservei duas noites para Guaraqueçaba e duas para Superagüi.

Há várias opções de pousadas, mas o padrão geral é muito simples. A maioria funciona em casas de madeira e oferece o básico do básico. Frigobar e ar-condicionado são um luxo raro.

Pousada Sobre as Ondas

Pousada Sobre as Ondas

Pousada Sobre as Ondas

Pousada Sobre as Ondas[/caption]A Sobre as Ondas segue o padrão simples da vila, mas é a pousada mais estruturada de Superagui. A maioria dos quartos é de alvenaria, têm e rede na varanda, frigobar e tv mas você só vai usá-la se quiser assistir aos filmes (piratas) que a pousada disponibiliza. Uma pousada ao lado funciona como anexo e tem quartos mais simples, só com café da manhã.

A Sobre as Ondas mantém também um dos poucos restaurantes da ilha, com almoço em sistema de buffet, petiscos o dia todo e mesas embaixo das árvores diante da praia. Oferece também aluguel de bicicletas e sinal de wifi para os clientes, coisa rara em Superagüi. Não esqueça de pedir a limpeza diária se desejar.

Pousada Sobre as OndasDiária pra casal: R$140,00 (quartos com frigobar, ar e tv) e R$100,00 ( quartos simples)
Vantagens:
O restaurante aberto o dia todo, a rede, o wifi e a localização em frente à praia (os quartos não tem vista para o mar).
Desvantagens:
O café da manhã é bem fraco, mesmo considerando as dificuldades de abastecimento.

Pousada Centauro

Pousada Cenauro

Pousada Cenauro

Fica um pouco mais distante do trapiche que a Sobre as Ondas mas também diante da praia. A maioria dos quartos da Pousada Centauro é de alvenaria, com tv, ventilador e bom café da manhã.

No terreno em frente, funciona um camping bem organizado, com estrutura nova de cozinha e sanitários. Há também uma lanchonete onde a Juliana serve petiscos e ótimos pastéis. O Aurélio, marido dela, leva turistas para passeios de barco pela região. Fomos com ele ( e o pai, numa viagem anterior) para Ilha das Peças, Ilha do Mel, Barbados e Ilha do Pinheiro.

Diária para casal: R$100,00 (baixa temporada)
Vantagens:
Localização, bom café da manhã, camping organizado, possibilidade de contratar passeios de barco e os ótimos pastéis da Juliana.
Desvantagens
:
Sem wifi, restaurante e ar condicionado.

FOTOS: CASSIANA PIZAIA

————————————–
Você pode se interessar também por:

-> Pousadas na Ilha do Mel: onde se hospedar em Brasília, Encantadas, Farol e Fortaleza

postado por Cassiana Pizaia

Deixe seu comentário: